21/07/2017

Adidos Agrícolas destacam eficiência do sistema agropecuário em MS

Brasília (21/07/2017) – “Estamos impressionados com a eficiência de trabalho dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. As decisões estratégicas se refletem nos bons resultados verificados e acredito que podemos realizar uma troca de conhecimentos entre Brasil e África do Sul”. A afirmação foi feita pelo representante da embaixada sul-africana, Andile Maxwell Hawes, na quinta (20), no último dia de visita no intercambio AgroBrazil, promovido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). 

O grupo formado por adidos de sete países visitou propriedades rurais localizadas em Miranda e Sidrolândia para conhecer os sistemas produtivos implantados na agricultura e pecuária. A última parada foi uma visita ao Circuito InterCorte, promovido no centro de eventos Albano Franco, em Campo Grande.

O evento, que acontece nos dias 20 e 21 de julho, é considerado um dos mais consistentes da cadeia produtiva e percorre os principais polos de produção de carne do Brasil, levando informação, discussão e tecnologia aos produtores.

Segundo o gestor do Departamento Técnico do Sistema FAMASUL, Justino Mendes, acompanhar o programa de intercambio foi gratificante, principalmente por comprovar o excelente trabalho feito pelo produtor rural sul-mato-grossense.

“Os visitantes demonstraram muita curiosidade em conhecer os métodos tecnológicos e ficaram surpresos em verificar que conseguimos produzir em um mesmo ciclo produtivo três safras. Eles destacaram a harmonia no desenvolvimento das atividades e a responsabilidade social dos empresários em produzir com sustentabilidade”, afirmou.

O adido tailandês, Terrapong Vanichanon, reforçou a satisfação em ter participado da viagem e revela que levará as informações ao seu país de origem. “Nossa matriz econômica é agrícola, porém não existe uma produção integrada como a que observei, unindo plantio, pecuária e piscicultura. Outro ponto que me chamou a atenção foi o relato de um dos proprietários que conseguiu transformar uma área não produtiva em uma produtora de commodities em 40 anos de atividade. É um desenvolvimento notável”, argumenta. 

Na avaliação do representante da China, Changqing Bai, as visitas técnicas proporcionaram o real conhecimento da grandiosidade de recursos existentes na agricultura brasileira.

“O Brasil e a China podem contribuir muito um com o outro, quando o assunto é intercâmbio de tecnologia. Acredito que a parceria comercial se fortalecerá cada vez mais, a exemplo do que já vem acontecendo nos últimos anos”, disse.

Satisfação - A Superintendente de Relações Internacionais da CNA, Lígia Dutra, afirmou que o sentimento unânime é de satisfação. “É motivo de muita satisfação comprovar pessoalmente o quanto a produção agropecuária de Mato Grosso do Sul agradou os visitantes. Acredito que nosso objetivo foi cumprido ao apresentar o que o sistema produtivo brasileiro tem de melhor”, disse.


Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109 1419
cnabrasil.org.br
canaldoprodutor.tv.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA 
instagram.com/SistemaCNA

Áreas de atuação

Relações Internacionais

Veja também