26/04/2017

A convite da CNA, adidos conhecem fazendas produtoras de frutas

Juazeiro, Bahia (26/04/2017) – Os nove adidos agrícolas que participam do Programa de Intercâmbio AgroBrazil, promovido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), conheceram, nesta quarta (26), as fazendas IBACEM e Brasil Uvas, em Juazeiro, na Bahia.

A primeira visita foi na IBACEM, que produz 20 mil toneladas de manga e 2,5 mil de uva. De acordo com o diretor comercial da empresa, Frederico Costa, 90% da manga e 50% da uva produzidas são exportadas para Argentina, Chile, Estados Unidos, Canadá, China e Japão.

“A empresa se preocupa com as questões fitossanitárias e busca os melhores certificados do mercado, para que a fruta tenha a segurança alimentar exigida”, disse Frederico.

Depois de visitar as plantações de manga e uva, o grupo seguiu para o packing house, local onde as frutas passam pelo processo de beneficiamento (lavagem, seleção e embalagem).

Para a adida agrícola do Uruguai, Lorena Garcia, é fundamental saber como tudo funciona, desde o plantio, manejo e colheita até a separação para consumo interno e externo. “Quando vemos a fruta no mercado, não temos ideia de qual tecnologia é aplicada e o esforço que o produtor faz para adaptar o produto ao clima e ao solo”.

Em seguida, os adidos conheceram a Brasil Uvas, do grupo Labrunier, que cultiva mais de sete tipos de uvas para consumo in natura e exporta para os Estados Unidos, Europa e Emirados Árabes.

“Em 2016, nós fomos responsáveis por aproximadamente 29% das exportações de uva do Brasil. Todo o sucesso é resultado de pesquisas em novas variedades de uvas e certificados internacionais”, explicou Aryan Schut, da Labrunier.

A representante da Embaixada da Polônia no Brasil, Marta Olkowska, afirmou que as visitas são importantes para saber como o produtor do Nordeste produz em clima semiárido, onde chove poucas vezes ao ano.

“A realidade dessa região é muito distinta da Europa. Mesmo com toda a dificuldade, os produtores ainda se preocupam com a sustentabilidade e uso correto dos recursos hídricos”, disse.

 


Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109 1419
cnabrasil.org.br
canaldoprodutor.tv.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA 
instagram.com/SistemaCNA

Veja também