Valor Bruto da Produção Agropecuária deve atingir R$ 1,142 trilhão em 2021

Por: Superintendência Técnica da CNA

O primeiro levantamento, com dados até janeiro, indica que o Valor Bruto da Produção (VBP) da agropecuária deverá atingir R$ 1,142 trilhão em 2021, uma alta de 15,8% quando comparado ao resultado de 2020 (R$ 987,12 bilhões).

O VBP agrícola em 2021 deve crescer 19,0%, atingindo R$ 759,25 bilhões. O bom resultado estimado para o ano é causado pela boa expectativa da safra de grãos, que deve representar 51,4% na participação do VBP. Destaques para os aumentos dos preços reais, até janeiro, da soja, milho, arroz, caroço de algodão, (25,5%, 23,6%, 8% e 28,7% respectivamente).

No ramo da pecuária, o destaque fica para a carne bovina, estimativa de crescimento de 18% no faturamento da cadeia, resultado da conjugação dos aumentos, no preço (10,4%) e na produção (6,9%). As cadeias de aves e pecuária de leite devem apresentar crescimento de aproximadamente 3%, suínos deve ter um crescimento um pouco mais modesto, 1,4%.

Embora o faturamento do setor agropecuário deva se consolidar como um dos maiores da história, é importante lembrar que, no caso de grãos, a maioria dos agricultores não conseguiram comercializar sua produção com os preços atuais, por conta da negociação antecipada, ainda, a desvalorização cambial elevou os preços dos insumos agropecuários, pressionando as margens. Para os pecuaristas, mesmo com os preços recordes da carne bovina, os preços dos grãos pressionaram pela elevação do preço da ração, além disso, os animais de reposição – bezerro e boi magro – também estão em patamares historicamente altos, pressionando a margem do pecuarista.

Áreas de atuação

Núcleo Econômico

Veja também