Mato Grosso do Sul

16/08/2021

Preço médio do frango tem valorização de mais de 20% no atacado de Mato Grosso do Sul

Por: Vitor Ilis Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Vitor Ilis

O quilograma do frango em Mato Grosso do Sul teve uma valorização de 20,56% em julho de 2021, se comparado ao mesmo período do ano anterior. A informação é da Ceasa/MS, que levou em consideração o preço médio da mercadoria no atacado. Este é o assunto do #MercadoAgropecuário desta segunda-feira (16).

“A valorização no período é resultado da combinação entre condição melhor de demanda e queda na produção, potencializada pelo aumento nos custos de produção em razão da alta nos preços dos principais ingredientes das rações, como milho e farelo de soja”, afirma a analista técnica do Sistema Famasul, Eliamar Oliveira.

Segundo o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), houve uma redução de 7,62% no número de abates. Este ano, no último mês, foram 94 mil cabeças de aves. Em julho de 2020, mais de 101 mil.

Exportação – Dados do Ministério da Economia registraram aumento de 10,42% na receita de exportações também levando em consideração o mês de julho, entre 2021 e o ano anterior. Mato Grosso do Sul ocupa a 5ª posição no ranking brasileiro com 4,36% do faturamento com exportações de carne de frango.

Entre os cinco primeiros destinos, o Chile se destacou com o aumento de 300% nas compras da proteína sul-mato-grossense nos sete primeiros meses deste ano quando comparado a igual período de 2020. “O câmbio elevado torna a proteína brasileira mais competitiva no mercado externo e impulsionou os ganhos de MS, em volume e receita, com as exportações de carne de frango”, destaca Eliamar.

Mercado Agropecuário – O Sistema Famasul divulga todas as semanas uma matéria sobre o andamento das principais cadeias produtivas de Mato Grosso do Sul. Acompanhe!

Veja também