Antecipa CNA: Setor começa a mostrar sinais da recuperação da atividade pós-mancha branca

Por: Superintendência Técnica da CNA

Com o surgimento da doença mancha branca, a maioria dos produtores teve redução de eficiência em seus sistemas produtivos, principalmente por causa da baixa taxa de sobrevivência, com consequentemente aumento nos custos de produção.

O Brasil chegou a ocupar o 6o lugar (90.360 t) no contexto global de sua produção, se destacando como líder mundial de produtividade (6.084 kg/ há) em 2003, no entanto, assistiu esse desempenho decrescer para 10o lugar (52.100 t) e sua produtividade cair para 2.182 kg/ha/2016.

Áreas de atuação

Aquicultura

Veja também