Agropecuária cria 113 mil novos empregos entre janeiro e maio, melhor resultado desde 2012

Por: Diretoria Técnica da CNA

O mercado de trabalho formal responde ao avanço da vacinação e da atividade econômica, que apresentou sinais de melhora no início de 2021, com geração de empregos em todos os setores da economia. É o que mostra os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério da Economia, que registram criação líquida de emprego (admitidos menos desligados) de 280.666 em maio, acima do registrado em abril, quando o número de vagas criadas foi de 116.423 vagas.

Importante destacar que em maio de 2020 o País registrou perda líquida de 373.888 vagas. Isso ocorreu devido ao momento crítico da pandemia da covid-19, com os setores lidando com as fortes restrições de circulação de pessoas e com as incertezas em relação à duração da crise sanitária.

Áreas de atuação

Núcleo Econômico

Veja também