25/09/2020

Senar, CGU e Instituto Maurício de Sousa apresentam o programa Um por Todos, Todos por Um! na Jornada Bett Educar

Brasília (25/09/2020) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Instituto Maurício de Sousa apresentaram, na quinta (24), o programa Um por Todos e Todos por Um! Pela Ética e Cidadania na Jornada Bett Educar Oline.

A CGU desenvolve o programa desde 2009 com o Instituto Maurício de Sousa e, em 2017, assinou termo de cooperação com o Senar para ampliar o alcance da iniciativa que tem por objetivo universalizar o acesso a informações sobre valores e padrões éticos de forma lúdica.

Além do diretor-geral do Senar, Daniel Carrara, participaram da Jornada a secretária de Transparência e Prevenção da Corrupção da CGU, Claudia Taya, e o presidente do Instituto, Maurício de Sousa.

“Nossa experiência mostra que ao entregar esse material pronto em formato digital, juntamente com a capacitação, os professores conseguem fazer a multiplicação necessária e dar escala, colocando o conceito de ética e cidadania na nova geração. Precisamos colocar uma semente nesse solo fértil que são os jovens para que se tornem cidadãos melhores”, afirmou Carrara.

Claudia Taya, secretária de Transparência e Prevenção da Corrupção da CGU, afirmou que diante do retorno positivo dos estudantes, a Controladoria decidiu reformular e universalizar o programa. "Contamos com a colaboração pedagógica do Senar, além da transposição do material para o meio digital, e passamos de 647 mil estudantes para 15 milhões em 2020”.

Maurício de Sousa explicou que quando se usa um personagem forte é possível passar o entendimento de uma situação onde as crianças podem escolher o que é certo. “Quando você quebra tabus, fica na cabeça das pessoas, como o Cascão tomar banho, a Magali comer de forma saudável.”

O programa Um por Todos e Todos por Um! Pela Ética e Cidadania está disponível para toda a educação básica. O material é composto por coleção de revistas em quadrinhos, uma para cada ano escolar do 1º ao 5º ano, vídeos, historinhas em quadrinhos, tirinhas e materiais complementares, manual do professor, caderno do estudante, revistas e jogos para alunos do 5º ou 6º ano, além de capacitação a distância para professores.

“É uma responsabilidade muito grande levar a Turma da Mônica para 15 milhões de estudantes. Nossas instituições assumem essa responsabilidade com muito prazer e competência”, ressaltou Daniel Carrara.

O conteúdo do programa está disponível em formato impresso e digital (online e offline) por meio de portal www.gov.br/cgu/educacaocidada e aplicativo que pode ser baixado para android. Os vídeos da Turma da Mônica também podem ser acessados pela página da CGU no Youtube: https://bit.ly/3mS81qe.

"Para usar o material online e offline, as escolas precisam assinar um termo de adesão com a CGU. Já o impresso, além do termo, é necessário se comprometer a seguir os padrões do conteúdo produzido pela Maurício de Sousa”, afirmou Claudia Taya.

“Decidimos franquear e facilitar o acesso para que todos possam usar, não apenas as escolas, mas outras instituições também. Queremos realmente disseminar ética e cidadania para milhares de crianças e jovens do Brasil”, ressaltou.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil

Veja também