Projeto FIP Paisagens Rurais capacita equipes de campo
32599691107 c4f0d72a27 c

Ação envolve técnicos e supervisores ao longo desta semana

19 de julho 2021
Por Senar

Brasília (19/07/2021) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e a Embrapa iniciaram, na segunda (19), um curso virtual de recuperação produtiva de pastagens e recomposição da vegetação nativa para 40 técnicos e supervisores do projeto FIP Paisagens Rurais.

Para a capacitação, as equipes foram divididas em dois grupos: revisão e iniciantes. A primeira turma tem duração de três dias e é voltada para profissionais que já foram capacitados. O objetivo da revisão é promover discussões a partir da realidade identificada nas experiências de campo, dentro das propriedades que já são atendidas pela Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Senar no projeto.

No módulo para iniciantes, com duração de quatro dias, a ideia é preparar as equipes que terão o primeiro contato com os produtores e explicar a proposta do projeto e como executá-lo em campo. Pesquisadores da Embrapa apresentam elementos que compõem a gestão integrada da paisagem e técnicas para identificação dos níveis de degradação, tecnologias e estratégias utilizadas para manejo e recuperação de pastagens degradadas e de recomposição da vegetação nativa, por exemplo, além de tipos de arranjos que podem ser trabalhados.

Segundo a coordenadora técnica do projeto Paisagens Rurais no Senar, Bárbara Evelyn Silva, os dois eixos do curso – recuperação de pastagens degradas e recomposição da vegetação nativa – são tratados com foco no objetivo do projeto.

“Como o projeto atua na gestão integrada da paisagem, estimulamos que técnicos e produtores tenham essa visão mais completa da propriedade, pensando não somente nas questões produtivas e econômicas, mas trabalhando também dentro desse quesito as estratégias viáveis para aliar produtividade e sustentabilidade”, afirmou ela.

Capacitacao FIP

FIP Paisagens Rurais - A iniciativa prevê a recuperação de 100 mil hectares de pastagens degradadas e de sete mil hectares de APPs e reservas legais em quatro mil propriedades rurais, por meio da Assistência Técnica e Gerencial do Senar na Bahia, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Tocantins.

O Projeto Gestão Integrada da Paisagem no Bioma Cerrado (FIP Paisagens Rurais) é financiado com recursos do Programa de Investimento Florestal, através do Banco Mundial.

A coordenação é do Serviço Florestal Brasileiro (SFB) e da Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa); com parceria da Agência de Cooperação Técnica Alemã (GIZ), do Senar e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), por meio do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e da Embrapa.

Assessoria de Comunicação CNA