06/06/2019

Projeto Campo Futuro levanta custos de produção de café e cana

Brasília (06/06/2019) – O Projeto Campo Futuro da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) visitou na quinta (6) a região de Cacoal, em Rondônia, para levantar os custos de produção do café arábica.

A coleta de dados contou com a participação de produtores rurais, técnicos do Centro de Inteligência de Mercados da Universidade Federal de Lavras (CIM/UFLA) e representantes da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Rondônia (Faperon).

Segundo o técnico do CIM/UFLA, Matheus Mangia, os resultados prévios do painel apontaram um Custo Operacional Efetivo (COE) de R$252,61 por saca. “O custo com fertilizantes apresentou um aumento de 25% se comparado ao painel realizado em 2018. O insumo corresponde a 22% do COE”.

Matheus explicou que ao considerar o valor de receita em R$ 257,00 por saca, obtém-se margem bruta de R$ 4,39 por saca.

O produtor Hugo Almeida esteve no encontro e afirmou que é o terceiro ano consecutivo que ele participa do levantamento do Projeto Campo Futuro. “Os dados apresentados são importantes para que o produtor conheça a realidade da sua atividade, quanto ele gasta para produzir, qual é o lucro e a rentabilidade”.

Cana-de-açúcar – O Projeto Campo Futuro também passou por Penápolis (SP) para levantar os custos de produção da cana-de-açúcar. O encontro aconteceu na quarta (5) e contou com a participação de produtores rurais e técnicos do Programa de Educação Continuada em Economia e Gestão de Empresas (Pecege).

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil

Áreas de atuação

Café Cana-de-açúcar

Veja também