Paraná

22/05/2020

Com novas medidas, SENAR-PR mantém atividades apesar da pandemia

Por: Comunicação Social – Sistema FAEP/SENAR-PR

A pandemia do novo coronavírus trouxe desafios inesperados a diversos setores. No agronegócio, produtores, trabalhadores e líderes rurais têm se adaptado diante do novo cenário para dar continuidade às atividades, minimizar prejuízos e, principalmente, garantir a segurança e a saúde de todos os envolvidos.

Nesse sentido, o SENAR-PR estabeleceu uma série de determinações junto aos colaboradores e ações voltadas ao público, de modo que os objetivos da instituição enquanto referência em formação profissional rural continuem sendo cumpridos. As medidas adotadas desde 20 de março, com prazo indeterminado, compõem um novo projeto de trabalho para 2020, visando dar suporte aos produtores e trabalhadores rurais em meio aos obstáculos trazidos pela pandemia.

“A pandemia do coronavírus e as suas consequências impactam nas capacitações presenciais do SENAR-PR, pois elas são essencialmente práticas e refletem as rotinas das atividades agropecuárias, dentro e fora das propriedades. As medidas preventivas de contágio e a suspensão das capacitações presenciais se configuram como um grande desafio para a instituição, que buscou otimizar as agendas em tempo de quarentena”, destaca Débora Grimm, superintendente do SENAR-PR.

Dentre as principais ações, está o desenvolvimento de estratégias para realização de atividades e atendimentos de forma remota. Diante da necessidade de suspensão dos cursos de Formação Profissional Rural e dos Programas Sociais em formato presencial, o SENAR-PR ampliou a oferta de vagas dos cursos EaD (Educação a Distância) em mais de 35%, sendo todas preenchidas. Em abril, foram 36 eventos realizados com participação de mais de 1,4 mil pessoas, enquanto em maio, até o momento, já foram contabilizados cerca de 2,5 mil participantes em 63 eventos. Os cursos estão disponíveis por meio do portal de cursos do SENAR-PR (www.senarpr.org.br). Neste formato remoto, também foram inclusos os programas Jovem Agricultor Aprendiz (JAA) e Aprendizagem de Adolescentes e Jovens (AAJ), que estão sendo mantidos por meio de aulas online.

Outros projetos da instituição, como o Programa Agrinho e o Programa Empreendedor Rural (PER), foram cancelados, devido à impossibilidade de cumprimento das atividades programadas mesmo em formato remoto. No entanto, será realizada uma edição especial do Agrinho com foco em temas de saúde, como a dengue e o coronavírus. Já em relação ao PER, ao longo de 2020 serão desenvolvidas ações de preparação dos instrutores, revisão do material atualizado, avaliação dos participantes do programa e eventos de mobilização.

Ainda, um curso EaD de Atualização Metodológica estará disponível para todo o quadro de instrutores. A capacitação foi desenvolvida a partir da metodologia de ensino da instituição para atualizar estes profissionais sobre o uso de recursos visuais e ferramentas que auxiliem na melhoria da execução dos cursos para os produtores rurais.

Em meio às ações voltadas para o público, o Sistema FAEP/SENAR-PR mantém o compromisso de levar informação de qualidade ao produtor rural. Neste cenário, a entidade também elaborou materiais com orientações aos produtores rurais em relação aos aspectos sanitários e trabalhistas estabelecidos pelos órgãos competentes. As publicações “Coronavírus: Como se prevenir no campo”, “Orientações trabalhistas estabelecidas pelas Medidas Provisórias 936 e 927” e “COVID-19: prevenção na cadeia de hortifrúti” estão disponíveis no site do Sistema FAEP/SENAR-PR.

Veja também

Produtor, neste momento de crise em razão do coronavírus, você não está sozinho. Clique aqui e fale com nossos técnicos.