02/07/2020

Presidente da CNA participa de anúncio do Plano Safra do Banco do Nordeste

Brasília (02/07/2020) – O presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, participou na quinta (2) de uma transmissão ao vivo do Banco do Nordeste sobre as mudanças e novidades do Plano Safra 2020/2021.

O evento online contou com a presença da ministra da Agricultura, Tereza Cristina, de lideranças do setor do agropecuário, das Federações de agricultura e pecuária do Nordeste, de parlamentares, governadores, dirigentes do banco, entre outras autoridades.

Para esta safra, a instituição vai disponibilizar R$ 8,26 bilhões, um aumento de 6% em relação ao orçamento da safra passada. Desse total, R$ 3,2 bilhões serão destinados para financiamento de custeio, R$ 1,4 bilhão para investimento e R$ 160 milhões para comercialização.

Já para os pequenos produtores que se enquadram no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), serão disponibilizados R$ 3,5 bilhões.

Em seu discurso, o presidente da CNA destacou o uso da tecnologia para o avanço da produção agropecuária no Nordeste. “A inovação tecnológica foi responsável pelo progresso do agro nos últimos anos e o Nordeste precisa desse instrumento. Boa parte da população vive no interior e tem a agropecuária como o motor de sua sustentação econômica”.

Martins também citou o programa Agronordeste, iniciativa liderada pelo Ministério da Agricultura que contará com a parceria do Sistema CNA/Senar na oferta de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG).

“Nós temos o compromisso de criar novas políticas diferenciadas e investir em tecnologias, pois serão o farol para novos momentos e novas vitórias”, disse.

Para a ministra Tereza Cristina, a região necessita de mais assistência técnica e tecnologia para alcançar altos níveis de produtividade.

“Temos que fazer uma política especial para a região, que tem uma posição logística privilegiada. Precisamos massificar e democratizar a tecnologia para que chegue a mais produtores”, afirmou a ministra.

O presidente do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro, afirmou que o agro é fundamental para o Produto Interno Bruto (PIB) dos estados. “O BNB é responsável por 55,1% do crédito rural da região. Nossa missão é fornecer crédito produtivo de longo prazo e taxas de juros atrativas desde o pequeno até o grande produtor”.

O superintendente de Varejo e Agronegócios do BNB, Luiz Sérgio Farias, falou sobre as novidades da instituição para o Plano Safra 2020/2021, como o apoio a inovação tecnológica, por meio de financiamento de estações meteorológicas e produção de insumos.

Durante a transmissão online, o Banco também lançou o aplicativo “BNB Agro” e as soluções Custeio Digital e Comercialização Digital, que possibilitam o cliente realizar operações por meio da plataforma e também pelo portal da instituição.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil

Áreas de atuação

Política Agrícola

Veja também