Rio Grande do Norte

27/08/2020

FAERN/SENAR participa da solenidade de entrega do Sisbi-POA a Costa Azul Camarões

O presidente do Sistema Faern/Senar, Zé Vieira, participou nesta quarta-feira (26) da solenidade de entrega do Governo do RN do primeiro selo do SISBI – Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA) do Rio Grande do Norte. A empresa beneficiada é o frigorífico Costa Azul Camarões, que fica em Canguaretama. Com o selo, que garante a segurança alimentar, a unidade de processamento de pescado poderá comercializar seus produtos em todo o país. O SISBI irá contemplar no RN toda a cadeia produtiva, incluindo os segmentos de leite e derivados, ovos, mel, carnes e de pescados.

“É um marco para o governo do RN, que está de parabéns porque fortalece a economia rural, promovendo desenvolvimento econômico e social, podendo vender nossos produtos para todo o Brasil”, destacou Zé Vieira.

O selo foi entregue pela governadora Fátima Bezerra, acompanhada do vice-governador Antenor Roberto, aos proprietários do frigorifico Costa Azul, localizado em Canguaretama. Com o SISBI, a unidade de processamento de pescados passará a comercializar seus produtos em todo o país. O local já possui registro no IDIARN, e produz pescados e camarão.

O secretário da Agricultura, da Pecuária e da Pesca, Guilherme Saldanha, participou da solenidade. “É um passo muito importante para o desenvolvimento da pecuária potiguar. A certificação do SISBI garante ao nosso produto a segurança jurídica e alimentar para que ele possa ser comercializado em todo o território nacional. É uma expansão comercial muito significativa para o RN”, ressaltou Saldanha.

O Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA) faz parte do Sistema Unificado de Atenção a Sanidade Agropecuária (SUASA), é responsável por padronizar e harmonizar os procedimentos de inspeção de produtos de origem animal para garantir a inocuidade e segurança alimentar.

Em março passado, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina assinou e entregou a portaria de equivalência do Serviço de Inspeção Estadual do RN, a ação aconteceu em um seminário realizado em Fortaleza/CE. Uma conquista comemorada por toda a cadeia agropecuária pelos benefícios que o selo trará aos estabelecimentos potiguares que produzem alimentos de origem animal.

*Com informações da SAPE/RN

Veja também