15/05/2019

Excesso de chuva impacta produção de arroz no RS

Brasília (15/05/2019) – As lavouras de arroz da região de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, foram prejudicadas pelo excesso de chuva que ocorreu nos meses de janeiro e fevereiro deste ano. Estimativas do Projeto Campo Futuro da CNA apontam uma queda de produtividade de aproximadamente 17%, com rendimento de 150 sacas por hectare ante 180 sacas da safra passada.

Essa foi a conclusão do painel realizado na quarta (15) por técnicos da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), para levantar os custos de produção da cultura.

De acordo com o coordenador de Produção Agrícola da CNA, Alan Malinski, os custos com a rizicultura tiveram leve incremento, puxado principalmente pelos fertilizantes, (45%), seguido pelos defensivos (32%) e mão de obra (7%).

“Devido à queda da produtividade, os custos com as operações mecânicas caíram e isso fez com que o Custo Operacional Efetivo (COE) tivesse aumento de 2% com relação à safra passada”.

Dados preliminares indicam ainda que mesmo com melhores preços de comercialização do cereal comparado com a safra passada, a margem bruta do produtor foi negativa com queda próxima de 70% em relação à última safra. Essa queda nas margens deverá refletir em menores investimentos para a próxima safra.

“Os produtores que tiverem condições de segurar um percentual da safra para comercializar no segundo semestre terão condições para melhorar as margens, mas devido aos seguidos anos de margens baixas, são poucos os produtores que conseguirão realizar essa estratégia”, concluiu Alan.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil

Áreas de atuação

Cereais, Fibras e Oleaginosas

Veja também