Mato Grosso

02/12/2021

Sétima edição da Feira Natural do Campo traz artesanato

Por: Assessoria de Imprensa do Senar-MT Fonte: Assessoria de Imprensa do Senar-MT

Roupas em crochê e peças de decoração feitas em palha de babaçu. Essas foram as novidades para quem compareceu na edição da Feira Natural do Campo, desta quarta-feira (01.12).

Juscimeire Maria de Arruda, artesã de Cuiabá, trouxe conjuntos, croppeds, coletes, mochilas e bolsas em crochê. Ela que tinha o crochê como hobby, o tornou profissão após ficar desempregada na pandemia. A Feira foi uma oportunidade de mostrar o seu trabalho.

“Minha filha me inscreveu e eu aceitei vir e mostrar os meus produtos”, afirma.

Vindo de Nossa Senhora do Livramento, Juliano Pinto Moura, trouxe artesanatos feitos em palha de babaçu. “Comecei a produzir em 2010, depois de aprender sozinho”. Juliano, que já é experiente em feiras na sua cidade, afirma que essa é a primeira vez que expõe seus produtos em um shopping. “É a primeira vez que eu venho e estou achando bom”.

Rita de Cássia, do Distrito de Aguaçu, expôs na Feira pela quarta vez, mas nessa semana também trouxe uma novidade: o feijão de corda. “Hoje uma cliente levou cinco pacotes porque lembra a infância dela e fazia muito tempo que não encontrava para comprar. É gratificante ajudar a relembrar essa memória”.

Primeira vez – Esta edição foi a primeira da produtora rural Jucilene Moraes, do Distrito de Aguaçu. Ela trouxe variedades de alface, couve, jiló, maxixe, dentre e outros produtos. ” Sempre tive contato com o campo e agora vivo apenas dele. A Feira é uma oportunidade de nos tornar conhecidos”.

A Feira realizará a sua última edição de 2021 na próxima quarta-feira (08.12), feriado municipal. O evento ocorrerá das 17h às 21h, no estacionamento do Shopping Estação Cuiabá.

Veja também