Mato Grosso do Sul

02/09/2020

Respeito e empatia melhoram confiança e otimizam processo de aprendizagem entre domador e cavalos

Por: Ellen Albuquerque Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul

Curso do Senar/MS desenvolve habilidades em profissionais que atuam com equinos no campo e em modalidades esportivas.

Paciência, espírito de aventura e, principalmente, amor e respeito pelos animais são algumas das características necessárias para se tornar um bom domador de cavalos. Essas e muitas outras habilidades técnicas podem ser estimuladas e desenvolvidas no curso de Doma Racional, que faz parte do portfólio de Formação Profissional Rural do Senar/MS. Esse é o tema da editoria #EducaçãonoCampo desta quarta-feira (02).

 “Qualquer pessoa pode ser domadora. Quem pretende entrar nesta área deve gostar de cavalo e de trabalhar ao ar livre, se dedicar e ser observador. Características como naturalidade e tranquilidade são fundamentais no processo de confiabilidade e aprendizagem do animal. Nada pode ser forçado para que haja uma boa relação”, explica o instrutor Antônio Carlos, que exerce esse trabalho há mais de 40 anos.

O cavalo é um animal de hábito, de inteligência acima da média e com todos os sentidos apurados. O senso da fuga e a personalidade são muito fortes. “Eles percebem nossas atitudes, o cheiro, nossos movimentos e, principalmente, nosso olhar. A linguagem corporal e nossas atitudes são determinantes na aproximação. Com o tempo, o domador entende a índole do animal e, por sua vez, o animal percebe que não existe perigo”, acrescenta.

Oportunidade

O mercado para doma, segundo o instrutor, é promissor, e demanda por profissionais. “Em qualquer propriedade rural, sempre vamos encontrar equídeos. Temos também o crescimento dos esportes equestres, como baliza, tambor, hipismo e corrida, que, no ano passado, geraram mais de R$ 16 bilhões para o PIB (Produto Interno Brasileiro). O investimento do proprietário não permite que ele contrate alguém que não seja gabaritado, capacitado para domar seu animal com profissionalismo”, esclarece.

O desempenho e nutrição de eqüinos foram temas da #LiveSistemaFamasul dessa terça-feira (1º) e você pode assistir na íntegra no Youtube. Se quiser saber mais sobre o assunto, clique aqui e confira a editoria #MercadoAgropecuário.

Veja também