Piauí

22/10/2019

Gestão de pessoas é tema de Encontro no cerrado piauiense

Por: Ascom FAEPI SENAR PIAUÍ

O I Encontro de Gestão de Pessoas do Agronegócio Piauiense, realizado em Uruçuí -PI, nos dias 18 e 19 de outubro, reuniu referências locais e nacionais na área de Recursos Humanos e desenvolvimento de pessoas.

Mais de 150 pessoas se inscreveram e participaram dos dois dias de atividades, que contou com  palestras e apresentação de casos de sucesso da região, além de uma roda de conversa sobre a contribuição do agronegócio no desenvolvimento da sociedade, mediado por Maria Socorro Cerqueira – Presidente da ABRH PI.

Na abertura do Encontro o coordenador da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) , Sílvio Brito apresentou a metodologia desenvolvida pelo Senar com foco no aumento da produtividade, renda e da qualidade dos produtos e propriedades rurais.

“Abrimos nesta semana o edital de credenciamento de empresas para prestação de serviço, pretendemos atender mais de 1.200 propriedades rurais no Estado, com acompanhamento de dois anos. É uma inovação em termos de assistência”, disse.

O colaborador do Senar-PI do setor de Arrecadação, Marcelo Sérgio explicou sobre a parte técnica e a importância da contribuição e os seus benefícios. “A nossa função é orientar produtores e assessorias contábeis, as atividades do Senar não são cobradas porque a instituição é mantida pelo produtor rural que recebe o retorno em cursos e treinamentos”, explica.

A diretora executiva do Sindicato Rural de Uruçuí, Clélia Marisco parabenizou a iniciativa do evento e ressaltou a importância das parcerias com o Senar para o trabalho do sindicato. “O sindicato sempre estará aberto para novas ideias. Temos desenvolvido um trabalho de capacitação e dentro de quase um ano já desenvolvemos mais 700 pessoas”, disse.

O evento foi pioneiro na região Sul do Estado e contou com a parceria da ABRH-PI ,Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Sindicato Rural de Uruçuí, com as Propriedades Associadas da APIPA, e empresas do agronegócio da região, e com o apoio do Instituto Brasileiro do Algodão (IBA).

Uma ação com o foco de  capacitar, desenvolver e aperfeiçoar as habilidades técnicas e comportamentais dos associados da APIPA, produtores da região, profissionais e comunidade local, além de contribuir para potencializar o cenário de desenvolvimento humano do setor do Agronegócio.

CASOS DE SUCESSO

Na oportunidade representantes do setor de Recursos Humanos dos grupos Canel e Progresso apresentaram suas ações para atingir resultados positivos na  busca do envolvimento das pessoas no alcance dos objetivos organizacionais e ao mesmo tempo, no de seus próprios.

Veja também