Sergipe

28/09/2020

Faese participa de debate sobre a programação do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste

Por: Da Ascom Faese

A Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe –Faese participou do debate sobre a programação do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) para 2021 nesta quinta-feira, 24. Os setores da agropecuária serão contemplados com 42% dos investimentos.

O objetivo da reunião foi apresentar os resultados das discussões realizadas nos Estados de atuação do Banco do Nordeste para definir o planejamento do Fundo com as expectativas de financiamento para os setores produtivos.

O presidente da Faese Ivan Sobral destacou a importância do FNE para o desenvolvimento da agropecuária sergipana. “Uma discussão muito importante sobre o FNE que é um instrumento garantidor de recursos para o financiamento das atividades produtivas da região da Sudene. Este recurso garante o apoio aos empreendedores que dificilmente teriam acesso em instituições de crédito. É de suma importância esse fundo e o BNB para o desenvolvimento do nosso Nordeste”, afirmou.

Os recursos aportados na última safra cresceram de R$ 245 milhões para R$ 310 milhões. A área plantada de milho também cresceu de forma proporcional. Segundo o presidente Ivan Sobral, a burocratização do acesso ao crédito ainda é um dos maiores desafios do micro e pequeno empreendedor.

“Solicitamos aos nossos gestores que tenham atenção na celeridade e uma melhor dinâmica na desburocratização dos processos de acessibilidade do micro e pequenos empreendedores das linhas de crédito disponíveis”, afirma Ivan.

Foto: BNB

Veja também