Mato Grosso do Sul

16/07/2021

Com recomendações do Senar, heveicultor aumenta 44% a produção de látex

Por: Leandro Abreu Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul

Após correções na técnica de extração e controle de pragas, em 12 meses produtividade saiu de 5,2 kg para 7,5 kg por planta.

Em um período de um ano recebendo a Assistência Técnica e Gerencial do Senar/MS, o heveicultor Francismar Pazzini aumentou em 44% a produção de látex. Foram corrigidos, principalmente, a técnica de extração e o controle de pragas na propriedade, localizada no município de Paraíso das Águas. Esse é o case de sucesso da série #TransformandoVidas desta semana.

“Estava precisando de uma assistência técnica porque, apesar de ser agrônomo, sempre trabalhei em outras atividades e tenho pouco conhecimento de sangria, dessa parte produtiva da seringueira. Tínhamos muitos problemas de secagem de painel, angulação de sangria”, detalha Pazzini.

Em apenas uma safra, com as correções sugeridas pelo técnico de campo do Senar/MS, a produção de látex da propriedade saiu de 5,2 kg para 7,5 kg por planta.

Além das melhorias nos indicadores produtivos, Pazzini afirma que o Senar trouxe uma segurança e um ânimo maior.

“Depois que o Senar começou a assistência, percebi uma melhora na produção de borracha em função das correções de alguma parte técnica que a gente estava falhando. Agora estamos com uma produção além do que eu esperava. Até a nossa disposição melhorou. E a dos colaboradores, dos sangradores, também. Percebemos que eles pegaram confiança no técnico e isso ajuda bastante. Nos dá mais segurança, mais apoio”, comenta o produtor.

“Se temos algum problema, nós temos uma retaguarda com o auxílio do técnico. Ele nos dá uma confiança muito grande e precisamos que o Senar continue sempre nos dando essa assessoria. Sou muito grato”, finaliza.

Transformando Vidas – Toda sexta-feira, o Sistema Famasul divulga uma reportagem sobre a atuação do Senar/MS e as suas transformações no campo. Confira outras histórias de sucesso no canal no YouTube, e reportagens sobre Florestas Plantadas em ‘Mercado Agropecuário’ e ‘Educação no Campo’.

Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Leandro Abreu

Veja também