19/05/2020

CNA promove primeiro painel online do projeto Campo Futuro

Brasília (19/05/2020) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) realiza no dia 21 de maio o primeiro painel online do projeto Campo Futuro em razão da pandemia do coronavírus.

O encontro, que conta com apoio da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul), acontecerá na sede do Sindicato dos Produtores Rurais de Carazinho, a partir das 9h. O objetivo do projeto é levantar os custos de produção de grãos. O evento deverá reunir, principalmente, produtores de soja, milho e trigo da região.

Segundo o assessor técnico da CNA, Thiago Rodrigues, um grupo restrito de participantes deverá se reunir presencialmente respeitando as regras de prevenção e distanciamento previstas. Os técnicos da Confederação e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) acompanharão a reunião de forma remota.

“Como já tínhamos painéis programados e não poderemos viajar devido à pandemia, tentaremos viabilizar a realização do maior número possível de encontros de forma online. Vamos tomar todas as precauções que o coronavírus exige para que o evento ocorra de forma segura”, disse.

Thiago Rodrigues ressalta que será uma experiência “piloto”. A ideia é mobilizar Federações de Agricultura de outros estados para a realização de reuniões no mesmo formato e, dessa maneira, cumprir o calendário previsto para este ano.

“Vamos verificar se esse modelo dá certo, se as informações vão realmente nos ajudar na confecção da planilha com os indicadores e como será a dinâmica de um painel feito de forma remota. Se for aprovado, pretendemos começar a fazer em outras regiões em breve”, afirmou o assessor técnico da CNA.

Conforme o analista econômico do Senar-RS, Ruy Neto, o município de Carazinho foi escolhido para o teste do novo formato de painel porque participa do projeto há 13 anos e conta com um sindicato rural engajado. Além disso, ele ressalta que o Campo Futuro nunca deixou de ser realizado no Rio Grande do Sul desde a sua criação.

“Esse trabalho é muito importante para não interrompermos a série de dados que vem sendo levantada há mais de uma década no estado e o Sindicato dos Produtores Rurais de Carazinho sempre teve uma importância muito grande nisso. É um reconhecimento do trabalho que essas pessoas vêm fazendo para o projeto naquela região”, declarou Ruy Neto.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil

Veja também