30/07/2021

CNA debate finanças verdes no agro brasileiro

Brasília (30/07/2021) – A assessora técnica da Comissão Nacional de Política Agrícola da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Fernanda Schwantes, participou, na sexta (30) da live, “Green Financing: como o Brasil pode aproveitar essa oportunidade no pós-crise?”, promovida pelo Di Blasi e Parente Advogados (DBPA).

O evento virtual foi moderado pela head de Relações Institucionais e Governamentais do DBPA, Raquel Araújo, e contou com a participação do secretário adjunto de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, José Ângelo Mazzillo Junior, e da head para a América Latina da Climate Bonds Initiative (CBI), Leisa Souza.

Segundo a CBI, o Brasil é o segundo maior mercado de títulos verdes da América Latina e Caribe. O país representa 30,5% da emissão na região, com USD 5,9 (BRL 25) bilhões. Até 2030, a agricultura sustentável brasileira pode receber financiamentos de R$ 700 bilhões por meio da emissão de títulos verdes.

Para Fernanda, as finanças verdes devem contribuir para atrair investimentos e fomentar a economia no longo prazo no pós-pandemia, comprometendo-se com questões ambientais e, portanto, melhorando as relações com outros países e órgãos internacionais.

Durante o debate, Schwantes afirmou que os títulos verdes são fundamentais para dar escala a práticas sustentáveis no setor agropecuário.

“A agenda de sustentabilidade é primordial para o agro há muitos anos, pois ela impacta diretamente na produtividade, na captação de recursos de investidores interessados nas questões socioambientais, na estratégia comercial nos mercados interno e externo e também serve como vitrine das tecnologias brasileiras que aliam produção de alimentos e energia e conservação ambiental”, disse.

A assessora destacou que as atividades agropecuárias possuem um portfólio de práticas sustentáveis, desenvolvido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e outras instituições de pesquisa, e que tem potencial de atração de investimentos estrangeiros.

Dentre essas práticas estão o plantio direto, sistemas integrados de produção, rotação de culturas, recuperação de áreas de pastagens degradadas, tratamento de dejetos de animais da pecuária, geração de bioenergia e utilização de bioinsumos.

O mapeamento dessas boas práticas está disponível no documento “Destravando o potencial de investimentos verdes no Brasil”, elaborado pelo Subcomitê de Agricultura da CBI no Brasil.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Áreas de atuação

Política Agrícola

Veja também