07/06/2016

Em União de Minas, produtores se capacitam em mecanização agrícola

União de Minas, na região do Triangulo Mineiro, tem cerca de 4500 habitantes, segundo o IBGE, e tem sua economia voltada para a pecuária, agricultura e agroindústrias. É no campo que a população encontra a maioria dos empregos locais e isso significa que o SENAR tem papel relevante na vida de muitos moradores da região.

Entre as demandas mais procuradas, o curso de trabalhador na mecanização agrícola está nas primeiras colocações. Foi esta capacitação, incluindo a manutenção de TAP (tratores agrícolas de pneu) com um implemento, que movimentou o município.

Segundo Rui Marrecas, instrutor especializado em mecanização agrícola, atualmente, a mão de obra qualificada ainda é escassa. “Sabemos que muitas pessoas que trabalham na mecanização agrícola aprenderam com a lida diária, sem ter participado de um curso do SENAR, por exemplo. Com isso, a manutenção preventiva fica prejudicada e, ao contratar uma pessoa sem capacitação, os produtores e empresas rurais sentem os prejuízos no bolso”, alerta.

“Neste curso focamos a questão da manutenção, e os participantes veem os resultados imediatos; isso demonstra o quanto a prevenção é fundamental. Os produtores precisam se conscientizar que, quanto mais capacitado for o colaborador, menor serão os gastos com o equipamento”, acrescenta Rui.

Nos primeiros quatro dos cinco dias de curso é trabalhada a parte da manutenção preventiva do trator, como troca de óleo e de filtro e todas as questões relacionadas ao assunto. No último dia os participantes colocam a mão na massa, ou neste caso, no volante.

“Eu não sabia nem fazer funcionar o trator no começo da capacitação, e no último dia fiz baliza e trabalhei com a roçadeira super bem, foi ótimo. Agora quero participar de outros cursos que complementem o que aprendi, porque isso será muito proveitoso e positivo para que eu entre no mercado de trabalho. Esta é uma chance a mais para os produtores rurais e é o Senar que abre essa porta para nós”, comentou a participante Aniele Maciel Osório.

E é esse tipo de incentivo que o Sindicato dos Produtores Rurais de União de Minas quer proporcionar à comunidade. “Como União de Minas é um município carente no que diz respeito ao oferecimento de vagas de emprego e, como somos essencialmente rurais, é o Senar que proporciona com seus cursos de qualificação profissional a colocação de muitas pessoas no mercado de trabalho. Para nós, mobilizadores, é um orgulho imenso ajudar a promover isso e fazer parte do SENAR Minas”, explicaram os mobilizadores Bruno Borges Medeiros e Jalda Aparecida de Queiroz.

Johnatan César Ferreira dos Santos confirma o sentimento de muitos que já se qualificaram e acabam saindo transformados e entusiasmados com as perspectivas de um futuro melhor. “Disse ao instrutor que espero voltar a trabalhar e ter uma renda. Este curso do Senar está sendo a abertura que eu precisava para que isso aconteça.”

Assessoria de Comunicação do SENAR Minas
www.senarminas.org.br

Veja também