03/05/2016

Cursos do SENAR/SC contribuem para o desenvolvimento sustentável do País

No mês de maio o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR/SC) oferecerá, gratuitamente, 397 treinamentos e qualificará aproximadamente 6.500 produtores rurais em todo o território catarinense.

Entre os treinamentos oferecidos na região Norte está o de rédeas em Bela Vista do Toldo, o de gestão da propriedade rural em Canoinhas, de floricultura – manejo do pomar em Papanduva, de produção caseira de pães e biscoitos em Três Barras, criação de bezerras e novilhas em Monte Castelo e manutenção e operação de roçadeira em Mafra.

O Vale do Itajaí terá os cursos de primeiros socorros em Rodeio, confecção de peças do vestuário social em Imbuia, cultivo de plantas medicinas em Major Gercino, presuntaria e salamaria de carne suína em Jaraguá do Sul, piscicultura em Ibirama e beneficiamento e transformação de peixes e frutos do mar em Itapema.

Na região Sul acontecerá as capacitações de reformas e pequenas costuras em Imbituba, prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho rural em São João do Sul, doces de leite e iogurte em Urussanga, cortes, assados e empanados de frango em Timbé do Sul, conservas de frutas em Arranguá e artesanato com pintura em Grão Pará.

O Leste do estado receberá os cursos de aumento da produtividade do mel em Biguaçu, bordado com patchcolagem em Santo Amaro da Imperatriz, operação e manutenção de tratores e implementos agrícolas em Anitápolis, boas práticas de manipulação de alimentos para agroindústrias em Florianópolis, produção caseira de pães e biscoitos em São José e emissão de nota fiscal eletrônica do produtor rural em Tijucas.

A Serra Catarinense contará com os cursos de turismo rural – acolhida no meio rural em Bom Retiro, de bovinocultura de corte em Urupema, de conservação do solo em Correia Pinto, de aplicações, manejo e fertirrigação em Otacílio Costa, de artesanato de crochê e tricô em Urubici e de acolchoados artesanais com lã de ovelha em Ponte Alta. 

A região Meio Oeste recebe os cursos de artesanato de bordados em Salto Veloso, jardineiro em Campos Novos, educação ambiental em Lebon Regis, olericultura básica em Timbó Grande, instalação e manutenção de redes elétricas em Joaçaba e conservas de frutas em Campos Novos.

Entre os treinamentos oferecidos na região Oeste está o de produção caseira de massas para congelamento em Abelardo Luz, o de conservas de hortaliças e temperos em Chapecó, de aproveitamento integral de alimentos em Presidente Castelo Branco, de informática básica em Marema, de confeitaria em Coronel Martins e de operação e manutenção de roçadeira em Itá.

Na região Extremo Oeste acontecerá o curso de bordado em chineles em Saltinho, de embutidos e defumados de carne suína em Iporã do Oeste, de emissão de nota fiscal eletrônica do produtor rural em Maravilha, de casqueamento em bovinos em Guaraciaba, de boas práticas de manipulação de alimentos para agroindústrias em Belmonte e de queijos e industrialização de soro em Romelândia.

Outros treinamentos podem ser acessados no site do SENAR/SC (www. senar.com.br) com as especificidades de carga horária, local e data de realização. Para participar, o produtor deve procurar o Sindicato Rural do município. De acordo com o superintendente do SENAR/SC, Gilmar Antônio Zanluchi, a entidade organiza, administra e executa o ensino de formação profissional rural e a promoção social do produtor e trabalhador rural e de sua família. “O SENAR/SC contribui para a melhoria da qualidade de vida e o desenvolvimento sustentável do País estimulando a aprendizagem de maneira harmônica”, destaca Zanluchi.

Assessoria de Comunicação do SENAR-SC
www.senar.com.br

Veja também