01/08/2018

CNA participa da reunião da Câmara Setorial de Bovinocultura de Corte

Brasília (1º/08/2018) – A Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Carne Bovina apresentou, na terça (31), o andamento do Programa Nacional de Erradicação de Febre Aftosa (PNEFA) para que o Brasil alcance o status de país livre da doença sem vacinação em 2022. 

Em maio, a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) declarou o Brasil livre de febre aftosa com vacinação. 

Para Antônio Pitangui de Salvo, presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), a continuidade dos trabalhos será importante para a pecuária brasileira. 

“Com o avanço dos trabalhos, teremos novas áreas livres de febre aftosa, sem vacinação, até alcançar todo o Brasil em 2022. Será uma conquista para os pecuaristas brasileiros”, declarou. 

Na reunião da Câmara Setorial da Carne Bovina ainda foi debatido o crédito para recuperação e manutenção das pastagens. 

“Buscamos um programa que oriente o pecuarista em relação à manutenção das pastagens com foco na manutenção nutricional do solo. Assim teremos melhoria de produtividade, melhor taxa de lotação por hectare, gerando mais rentabilidade”, disse Antônio de Salvo. 


Assessoria de Comunicação CNA
Foto: Tony Oliveira 
Telefone: (61) 2109 1419
https://www.flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA 
instagram.com/SistemaCNA
senar.org.br
facebook.com/SENARBrasil

Áreas de atuação

Pecuária de Corte

Veja também