10/03/2016

Capacitação de produtores une entidades em Santa Catarina

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR/SC), a Associação Catarinense de Avicultura (ACAV), o Sindicato das Indústrias da Carne e Derivados e a Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS) se uniram para desenvolver um projeto de gestão de fluxo de caixa destinado aos produtores de suínos e aves.

O objetivo é sensibilizar  e capacitar esses produtores no  gerenciamento do  fluxo de caixa das suas atividades para que possam fazer a gestão financeira da propriedade. Os cursos de capacitação serão oferecidos e ministrados pelo SENAR/SC, informa o superintendente Gilmar Zanluchi.

Os conteúdos instrucionais e os materiais estão sendo desenvolvidos e incluem a produção de audiovisuais “aula motivacional” e “aula tutorial”, além de programa (software) de fluxo de caixa disponível para download e planilhas.

A coordenadora de projetos da ACAV e do Sindicarne, Cinthya Mônica da Silva Zanuzzi, relata que está na fase de elaboração das planilhas eletrônicas de controle mensal, anual e plurianual. “A ideia é desenvolver uma ferramenta simples voltada para uso do  produtor integrado ou não para auxiliar na gestão financeira da propriedade rural.”

O projeto avalia todas as atividades desenvolvidas pelo produtor, pois muitas propriedades, além da suinocultura ou avicultura, mantém as atividades econômicas de gado leiteiro,  gado de corte, produção de pastagem, grãos etc.

O material está sendo produzido por um grupo de trabalho coordenado pelo SINDICARNE e ACAV com a participação de representantes das agroindústrias e do SENAR. Após a elaboração, o material será repassado ao SENAR que cuidará de todo o processo pedagógico na formulação e formatação de cursos que serão oferecidos aos produtores interessados.

O diretor executivo da ACAV e SINDICARNE, Ricardo de Gouvêa, assinala que as agroindústrias integradoras estimularão seus integrados para a participação nos cursos, que serão ministrados a partir do segundo semestre deste ano em todo estado.

Assessoria de Comunicação do SENAR-SC
www.senar.com.br

Veja também