11/05/2018

Brasil vai analisar solos com tecnologia usada pela Nasa

Por: Notícias Agrícolas

Cientistas brasileiros desenvolveram um equipamento capaz de analisar solos de forma rápida, limpa e economicamente acessível ao produtor rural. A inovação não gera resíduos químicos e pode fazer a análise de 1.500 amostras por dia, fornecendo dados de quantidade de carbono orgânico do solo, textura (teores de areia, silte e argila) e pH.

O equipamento, batizado de AGLIBS, é o primeiro resultado da parceria da Embrapa Instrumentação (SP) com uma startup voltada ao agronegócio, que levou à criação da Agrorobótica, fundada em 2015. O desenvolvimento começou após a empresa observar que muitos agricultores não faziam a análise de solo devido ao seu alto custo e, por isso, aplicacavam insumos agrícolas sem recomendações agronômicas, gerando falta ou excesso de corretivos e fertilizantes nas lavouras.

A previsão da Agrorobótica é que a nova tecnologia esteja disponível no mercado ainda neste primeiro semestre, e que possa avaliar em tempo real, em laboratório, as amostras de solo, enquanto as análises convencionais demoram alguns dias para fornecer resultados.

Áreas de atuação

Meio Ambiente

Veja também