Panorama do Agro - Semana 16 a 19 de novembro de 2021

Por: Diretoria Técnica da CNA

MERCADO AGROPECUÁRIO

1. VBP projetado em setembro alcança R$ 1,20 trilhão, superando 2020 em 8,6%.
2. Atividade econômica, medida pelo IBC-Br, cai 0,27% em setembro frente a agosto.
3. Clima favorável tem permitido o avanço dos trabalhos de plantio e soja e milho. Com o produtor cauteloso, comercialização é mais lenta que no ano passado.
4. Colheita do trigo se aproxima do fim no Brasil e preços seguem em alta.
5. Em meio às incertezas, preços do café seguem batendo recordes. Exportações no mês de outubro caíram 25%.
6. Cana-de-açúcar – Preços de açúcar e etanol continuam em alto patamar nos mercados nacional e internacional devido à restrição da oferta brasileira, taxa cambial elevada e valorização do petróleo.
7. Frutas e Hortaliças – Sazonalidade e temperaturas amenas influenciam cotações no atacado.
8. Alta de 1,8% nos custos de produção de leite. Acumulado do ano chega a 17,25%.
9. Demanda mundial aquecida continua sustentando preços internacionais de lácteos.
10. Custos de produção da cria acumulam alta de 20,1%, em 2021, enquanto a recria e engorda, de 14,6%.
11. Arroba do boi dá sinais de recuperação após sucessivas quedas desde 31 de agosto.
12. Aves e suínos – Recuos nos preços da carne de frango e dos ovos e mercado de suíno firme.
13. Exportações brasileiras sofrem sem a reabertura da China para a carne bovina nacional.

    Áreas de atuação

    Núcleo Econômico

    Veja também