Parabéns, produtor rural

Por: José Mário Schreiner*

Trabalhar no campo, arar a terra, cultivar e produzir os produtos que alimentam milhares de pessoas. Sem o produtor rural não existe vida em comunidades como vivemos desde que o homem começou a agricultura. Todos os dias, logo que acordamos, já temos uma pequena mostra desse trabalho. Desde as fragrâncias que compõe os perfumes e desodorantes, até em nosso café da manhã, com frutas, pães, frios, mel, cereais, sucos, café, açúcar, leite e derivados.

Nos preparamos para uma nova jornada, vestindo com produtos oriundos do algodão, lã, seda couros, ligamos nosso carro, ou pegamos o transporte que roda sobre pneus de látex, movidos com modernos biocombustíveis (etanol, óleos, vegetais). A participação do agro em nossa vida vai muito além dos alimentos e combustíveis e demonstra a grande importância da atividade, que além de tudo isso, tem a responsabilidade de produzir em sintonia com a preservação ambiental.

Ao comemorarmos mais um ano o Dia do Produtor Rural aproveitamos para enaltecer o trabalho deste profissional, empresário, trabalhador, homens e mulheres que têm a grandiosa missão de preparar a terra, cultivar a lavoura, a pastagem, cuidar das florestas e das criações, dentre inúmeras atividades que estão presentes no dia a dia do homem do campo. O setor avançou muito na produção, na produtividade, e se moderniza a passos largos na tecnologia, inovação e ciência. Contribui incansavelmente com a geração de emprego, riqueza, desenvolvimento e prosperidade para toda população.

Os desafios são imensos, mas a esperança renasce a cada amanhecer. Esperança em poder contar com políticas de longo prazo, e que certifiquem mais segurança, especialmente, em situações onde o tempo e São Pedro não ajudam. Esperança em poder contar com infraestrutura e logística modernas, que reduzam o custo e aumentem ainda mais a competitividade do agro. Esperança na redução da carga tributária, na assistência técnica, e em tantos outros entraves, que prejudicam a atividade primária, bem como toda a nação.

A FAEG tem orgulho de dedicar sua existência ao homem do campo, não se cansando de inovar em busca de melhor atendimento às demandas do produtor. Assim como o Senar Goiás tem trabalhado incessantemente para ajudar o produtor a ampliar seu conhecimento, aperfeiçoar a técnica em busca de resultados melhores. Nosso reconhecimento a você, amigo produtor rural, que nos oferece com o seu trabalho a possibilidade de suprir nossas necessidades diárias e sustentar cada vez mais essa locomotiva chamada Brasil. 

* José Mário Schreiner – Vice-presidente da CNA, presidente da FAEG e do Conselho Administrativo do SENAR Goiás

Veja também